24 de Março dia Mundial da Tuberculose

De acordo com o boletim epidemiológico do Ministério da Saúde de 2015, um terço da população mundial pode estar infectada com o bacilo Mycobacterium tuberculosis (principal causador da tuberculose) e o Brasil faz parte do grupo de 22 países priorizados pela OMS, ocupando a 16ª posição. Em relação ao número de casos novos, a redução nos últimos 10 anos foi de 12,5%. Em 2015, foram notificados 63.189 casos em todo o país, contra 72.213 em 2006.

A forma de manifestação mais comum é a pulmonar, porém forma de tuberculose oral, que sempre deve ser considerada como uma possibilidade, pode se manifestar na boca e pode ser devidamente examinada na rotina da prática odontológica. A Principal forma de transmissão é por via aérea, ocorrendo a partir da inalação de gotículas contendo bacilos expelidos pela tosse, fala ou espirro de doentes bacilíferos, isto é, aqueles cuja baciloscopia de escarro é positiva. A má alimentação, a falta de higiene, o tabagismo, o alcoolismo ou qualquer outro fator que gere baixa resistência orgânica, também favorece o estabelecimento da doença.

Na maioria das vezes quem identifica os sintomas da doença é o cirurgião dentista que por sua vez deve interceptar esta patologia e trata-la dentro de suas competências como também encaminhar ao profissional médico especialista para resolução do problema.

Leave a reply